CIDADES

min de leitura - #

Arapongas confirma 3º óbito por dengue

Adriana Savicki

| Edição de 14 de junho de 2022 | Atualizado em 14 de junho de 2022
Imagem descritiva da notícia Arapongas confirma 3º óbito por dengue

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Um idoso de 93 anos é a terceira vítima de dengue em Arapongas e também na área da 16ª Regional de Saúde (RS). O óbito foi confirmado ontem pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e é uma das dez mortes que constam no boletim semanal de controle da doença. O paciente de Arapongas faleceu no último dia 3 de maio na Santa Casa, após quatro dias de internamento, mas a confirmação só ocorreu agora.

As demais mortes são de pacientes dos municípios de Pato Branco (2), Verê (2), Medianeira, Umuarama (2), Cambé e Ribeirão do Pinhal. São três mulheres e sete homens, com idades entre 28 e 93 anos, sendo que cinco deles tinham comorbidades.

Arapongas é o município da região com maior número de casos da doença. Segundo os dados da prefeitura – mais atualizados que os da Sesa – são 2.365 confirmações desde o início da pandemia. Na última semana, 111 casos foram registrados. No entanto, o número de casos em investigação vem caindo. Eram 108 no último boletim e 51 no mais recente.

“Infelizmente registramos um novo óbito. É importante mantermos as ações de combate, juntamente com toda a população. As baixas temperaturas dificultam a proliferação do mosquito, mas os cuidados devem ser mantidos. Acreditamos que o número de casos e notificações caiam nas próximas semanas”, disse o coordenador de endemias de Arapongas, Valdecir Pardini.

Com as 10 mortes registradas ontem, o Paraná totaliza 51 óbitos decorrentes da doença. Até o momento, são 211.229 casos suspeitos, com 96.956 confirmações, em 349 municípios, ou seja, 87,46% dos municípios paranaenses.

“Estamos há cerca de 45 dias para fechar o período sazonal epidemiológico da dengue. Temos de continuar a monitorar e remover potenciais criadouros para evitar a proliferação do mosquito”, alertou o secretário de Estado da Saúde, César Neves. O período sazonal da doença iniciou no dia 1º de agosto e deve seguir até julho deste ano.

REGIÃO

Em toda área da 16ª RS de Apucarana, foram registrados 250 casos em uma semana, segundo dados da Sesa. A regional, que tem 17 municípios, soma 3.741 casos confirmados e tem mais seis municípios em situação de epidemia de dengue além de Arapongas. São eles: Bom Sucesso, com 80 casos; Borrazópolis (34); Faxinal (114); Grandes Rios (53); Marumbi (698) e Sabáudia (59). 

Nos demais municípios da região a distribuição de casos é a seguinte: Apucarana (209), Califórnia (1), Jandaia do Sul (57), Kaloré (10), Mauá da Serra (5), Marilândia do Sul (29), Novo Itacolomi (2), Rio Bom (9) e São Pedro do Ivaí (18).