CIDADES

min de leitura - #

deParaná vai ampliar ensino de robótica nos colégios estaduais

Da Redação

| Edição de 22 de agosto de 2022 | Atualizado em 22 de agosto de 2022
Imagem descritiva da notícia deParaná
vai ampliar ensino de robótica nos colégios estaduais

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Uma das novidades na rede estadual de ensino neste ano de 2022, o ensino da robótica será ampliado no ano que vem. Atualmente ofertada como aula extracurricular no contraturno de mais de 250 colégios pelo programa Robótica Paraná, a disciplina fará parte do itinerário formativo de Matemática e Ciências da Natureza na 2ª série do ensino médio e pode chegar a cerca de 1,5 mil escolas a partir de 2023.

No último trimestre de 2021, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed-PR), entregou para 277 escolas mais de 2,5 mil kits compostos por um notebook e um conjunto de peças com 448 componentes eletrônicos, que inclui motores, sensores, atuado res e microprocessadores arduinos, por exemplo. O investimento foi de R$ 9,1 milhões.

Ainda neste ano, os estudantes que ingressaram no ensino médio (já na nova modalidade) devem escolher qual itinerário formativo eles pretendem cursar nos demais anos do médio, ou seja, em quais áreas do conhecimento desejam aprofundar seus estudos. Os que optarem pelo itinerário de Matemática e Ciências da Natureza terão duas aulas semanais de robótica no currículo da 2ª série.

Com a ampliação da oferta da robótica, uma vez que o Robótica Paraná será mantido em paralelo, a Seed-PR deve adquirir cerca de 18 mil novos kits em um investimento de mais de R$ 50 milhões. Os kits serão parecidos com os já adquiridos anteriormente, com notebook e conjunto de peças, com algumas melhorias e atualizações em componentes e módulos para otimizar o tempo das aulas. A formação de professores dessa disciplina também será ampliada pelo “Formadores em Ação”.

Inicialmente planejada para o ensino médio, a robótica também acabou sendo ofertada para os estudantes do ensino fundamental II (6º ao 9º anos). No primeiro semestre deste ano, o programa Robótica Paraná – com duas aulas semanais no contraturno – atendeu mais de 15 mil estudantes, sendo 8,8 mil do fundamental e 6,3 mil do médio em 252 colégios de 172 municípios. Além disso, outros 25 colégios do programa Paraná Integral integraram a robótica nas atividades de ampliação de jornada escolar.

Para os estudantes mais jovens, do fundamental, a Seed-PR implementou a “Robótica Primeiros Passos”, uma versão mais introdutória com o aprimoramento das práticas educativas, atendendo, através de ações, às necessidades dos alunos nativos digitais, privilegiando a sua formação crítica e reflexiva.