CIDADES

min de leitura - #

Ivaiporã investe R$ 4,1 milhões para urbanizar região do Bosque da Saúde

Da Redação

| Edição de 14 de junho de 2022 | Atualizado em 14 de junho de 2022
Imagem descritiva da notícia Ivaiporã investe R$ 4,1 milhões para urbanizar região do Bosque da Saúde

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

A Prefeitura de Ivaiporã está executando uma das maiores obras da cidade para urbanizar a região do Bosque da Saúde, que vai ganhar de galerias de águas pluviais, meio fio, calçadas com piso tátil para facilitar o deslocamento de pessoas com deficiência, acessibilidade, asfalto e sinalização horizontal e vertical. O investimento é de R$4,1 milhões provenientes de financiamento feito por meio do Paranacidade e envolve 34 quadras. 

O prefeito Carlos Gil e o diretor do Departamento Municipal de Obras, Bruno Montoro, visitaram as obras. Eles destacaram que Bosque da Saúde foi construído há 40 anos, sem infraestrutura alguma. “Agora, iremos urbanizá-lo. Trata-se de um grande investimento e significa qualidade de vida para a população de Ivaiporã”, afirmou Carlos Gil. 

Pelo Bosque da Saúde passa o transporte público gratuito e há muitas residências. No entanto, ainda existem vários terrenos vazios. Segundo o prefeito Carlos Gil, as obras já têm impacto imediato nos imóveis. “Os terrenos variavam entre R$20 mil e R$ 30 mil. Com a execução das obras ouvi falar que algumas áreas passaram a custar R$60 mil – e as obras não estão concluídas”, descontraiu o prefeito.

O prefeito destaca que, além da urbanização, a região vai ganhar visibilidade com a duplicação do acesso secundário de Ivaiporã. A obra envolve 4,3 km de extensão e e proporcionará mais segurança àqueles que trafegam entre a Rua Faxinal e o trevo da PR-466, no acesso a Jardim Alegre.

Segundo o prefeito Carlos Gil, a expectativa é que o governador Ratinho Júnior e o presidente da Assembleia Legislativa, Ademar Traiano, assinem o convênio com o município ainda no mês de junho. Uma solenidade com a presença dos dois vem sendo agendada. A duplicação do acesso secundário custará R$17,7 milhões. 

OUTRAS OBRAS

Além do Bosque da Saúde a Prefeitura está executando a obra do Trevo Ouro Verde e prestes a iniciar a construção do Parque de Exposições, cuja ordem de serviço foi assinada no dia 20 de maio e prevê investimento de R$ 5 milhões.