CIDADES

min de leitura - #

Plantio de milho atinge 50% da área em Ivaiporã

DA REDAÇÃO

| Edição de 12 de março de 2022 | Atualizado em 17 de março de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

A chuva dos últimos dias beneficia o plantio da segunda safra de milho.  Nos 15 municípios da área do Núcleo Regional de Ivaiporã da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab) 50% da área estimada para a cultura já foi semeada.

Nesta temporada, conforme estimativa do Departamento de Economia Rural (Deral), o milho safrinha deve ser plantado em área de 91 mil hectares, 4% a mais que na safra anterior, quando atingiu 89 mil hectares. 
Segundo o engenheiro agrônomo do Deral, Sergio Carlos Empinotti, o aumento de área do milho safrinha se deve a aproveitamento de áreas de café e de pasto, prejudicadas com as geadas do ano passado. 
Com melhores preços em relação a safras anteriores, os produtores estão animados. Nesta sexta-feira, o grão estava cotado em R$ 97 a saca de 60 quilos. No ano passado, nesta mesma época o milho safrinha estava cotado em R$ 73. 
Empinotti comenta que o rendimento médio para a safrinha de milho dependerá do volume de chuvas a ser registrado. A média histórica da regional para o grão é de 242 sacas por alqueire. 
“Em boas condições climáticas normais daqui para frente, quem plantou neste período até agora, deve colher acima de 240 sacas por alqueire. Quanto mais cedo o produtor planta a segunda safra, mais chances de pluviometria ele  e menos risco de geada. Consequentemente maior produção e mais renda”, analisa. 
No momento, as lavouras se encontram em boas condições, 90% da área plantada está em fase de germinação e 10% em crescimento vegetativo.