CIDADES

min de leitura - #

Projeto de saúde voltado para catadores de papel é premiado

Da Redação

| Edição de 18 de julho de 2022 | Atualizado em 18 de julho de 2022
Imagem descritiva da notícia Projeto de saúde voltado para catadores de papel é premiado

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

A Autarquia Municipal de Saúde (AMS) de Apucarana conquistou neste final de semana o 7º Prêmio Inova Saúde Paraná, categoria “Integralidade do Cuidado”, durante o 6º Congresso Paranaense de Saúde Pública/Saúde Coletiva e a 8ª Mostra Paranaense de Pesquisas e de Relatos de Experiências em Saúde. O evento, que foi realizado de forma online, contou com 1.150 participantes e 488 trabalhos inscritos. 

Intitulado “Equidade na Atenção em Saúde a grupo vulnerável: percurso estratégico”, o projeto premiado é desenvolvido junto aos cerca de 60 trabalhadores da Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Apucarana (Cocap). Eles recebem acompanhamento semanal nas especialidades de nutrição, educação física, psicologia, enfermagem, odontologia e fisioterapia por parte de profissionais do Programa de Residência Multiprofissional que atuam na Unidade Básica de Saúde (UBS) Osvaldo Damin, localizada na Vila Martins.

Segundo explicou a tutora do projeto, Adriana Prestes do Nascimento Palú, os cooperados fazem parte de um grupo social altamente vulnerável e a iniciativa tem conseguido levar conhecimentos que estão ajudando na promoção da saúde e qualidade de vida. 

De acordo com o secretário municipal da saúde, Emídio Bachiega, a partir da atuação dos residentes profissionais muitos avanços já foram alcançados. “O resultado é muito positivo na prática, recriando realidades, fazendo com que os cooperados tenham um conhecimento que possibilitem fazer boas escolhas para que tenham um ganho em saúde e qualidade de vida”, avalia Bachiega.

Para o prefeito Junior da Femac esse prêmio é o reconhecimento a um trabalho que vem obtendo resultados práticos a partir da assistência e educação popular em saúde. “Uma iniciativa complementar ao SUS que tem todo nosso apoio, através da Autarquia Municipal de Saúde. Novos conhecimentos em saúde são levados aos cooperados no seu ambiente de trabalho”, afirma Junior da Femac. 

A equipe de profissionais do projeto é formada por Adriana Prestes do Nascimento Palú (tutora docente), Lucas Paparazzo (tutor docente) e os profissionais residentes Denise Ferreira Alves (dentista), Marcieli Gonçalves Andrade (profissional da Ed. Física), Caroline Rodrigues Lyra (Fisioterapeuta), Anamelia Carolina Humeniuk Lopes (Psicóloga), Maryane dos Santos Matias (Nutricionista), Lucas Eduardo Carneiro (Enfermeiro), contando com a parceria dos profissionais da Estratégia Saúde da Família da UBS Osvaldo Damin.