COLUNA DA TRIBUNA

min de leitura - #

Lauro Junior cumpre agenda em Brasília

Da Redação

| Edição de 18 de agosto de 2022 | Atualizado em 18 de agosto de 2022
Imagem descritiva da notícia Lauro Junior cumpre agenda em Brasília

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O prefeito de Jandaia do Sul, Lauro Junior (União Brasil), está cumprindo uma extensa agenda de trabalho em Brasília. O chefe do Executivo, que deve retornar hoje ao município, passou pelo Ministério da Defesa e também no FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), em busca de recursos para construção de uma escola e um CMEI. Na companhia do presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná), Junior Weiiler, Lauro também participou de uma reunião com coronel Mauro Santana (foto), Secretário Adjunto da Secretaria de Governo da Presidência da República, e com o ministro da Pasta, Célio Faria, para discutir a Escola Federativa e fortalecimento do Estado do Paraná. Em suas redes sociais, o prefeito também registrou um rápido encontro com o presidente Jair Bolsonaro.

Sábado de adesivaço

O prefeito Junior da Femac (PSD) comanda neste sábado, na Sociedade Rural de Apucarana, o primeiro evento da campanha eleitoral das candidaturas de Beto Preto (PSD) a deputado federal, e Paulo Vital (PSD) a deputado estadual. Mesmo com o clima mais frio previsto, acontecerá um “adesivaço”, a partir das 9 horas. “Contamos com a presença de todos os apucaranenses que estão aderindo à nossa dobradinha Após mais de três décadas sem eleger um deputado federal, agora temos a oportunidade de conquistar essa representatividade com Beto Preto. Da mesma forma, estamos muito confiantes com a possibilidade de eleger também o nosso vice-prefeito como deputado estadual”, comenta

Correção no nome

O advogado João Batista Cardoso (Rede), de Apucarana, confirmou sua candidatura a deputado federal nas eleições de 2 de outubro. No entanto, o pedido de registro na Justiça Eleitoral veio com um erro de grafia. Em vez de “João Batista Cardoso”, o sistema trouxe o nome “João Batista dos Santos”. O advogado, bastante conhecido na área criminal na cidade e na região, acionou o comando do partido em Curitiba, que já providenciou a solicitação de correção do nome na portal DivulgaCanContas. Assim como demais candidatos em todo o Estado, João Batista Cardoso já está agilizando sua campanha junto ao eleitorado de Apucarana e da região.

Ação contra Gleisi

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE/PR) determinou que a deputada federal e presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, retirasse das redes sociais publicação que atribui o pagamento do Auxílio Brasil de R$ 600 ao ex-presidente e candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A ação foi impetrada pelo deputado federal e candidato à reeleição, Filipe Barros (PL). A decisão foi do juiz auxiliar Roberto Aurichio Junior, que deu o prazo de 24 horas para que Gleisi procedesse a imediata suspensão e exclusão da publicação impugnada. Ainda ontem, a publicação já foi apagada da rede social, sem contestação.

Confusão com Bolsonaro 

O presidente Jair Bolsonaro (PL) se envolveu em uma confusão na manhã desta quinta-feira, na saída do Palácio da Alvorada, com o youtuber de direita Wilker Leão, que o xingou de “vagabundo”, “covarde”, “canalha” e “tchutchuca do Centrão”. Bolsonaro foi provocado enquanto tirava selfies com apoiadores, antes de viajar para São José dos Campos (SP), onde realizaria atos da campanha à reeleição. Na ocasião, Bolsonaro tentou pegar o celular do youtuber e o puxou pela gola da blusa e pelo braço. Na sequência, os seguranças tiraram Wilker de perto do presidente.