ESPORTES

min de leitura - #

Corinthians e Boca Juniors abrem duelo pela Libertadores

Da Redação

| Edição de 27 de junho de 2022 | Atualizado em 27 de junho de 2022
Imagem descritiva da notícia Corinthians e Boca Juniors abrem duelo pela Libertadores

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

OCorinthians entra em campo nesta terça-feira (28) na primeira batalha por uma vaga nas quartas de final da Copa Libertadores de 2022. Do outro lado, ninguém mais ninguém menos que um adversário histórico: o Boca Juniors.

Na Arena Itaquera, a partir das 21h30, a expectativa é de casa cheia para o primeiro duelo das oitavas de final da competição. A volta será na Bombonera, na próxima terça (5 de julho).

Para o duelo, o técnico Vítor Pereira não terá alguns nomes, como Maycon (lesão grau 3 na coxa), Paulinho, (rompimento do ligamento do joelho) e Cantillo (suspensão).

Já outros nomes são dúvida, como Gil (lesão muscular na coxa), Gustavo Silva (tendinite), Renato Augusto (desconforto na panturrilha), João Victor (pancada no tornozelo) e Du Queiroz (substituído por problema muscular no último compromisso do time).

O grande problema para o treinador, portanto, é no meio de campo. Uma possibilidade, caso Renato e Du se confirmem como baixas, é utilizar Roni, Giuliano e improvisar Lucas Piton na função. Outra alternativa é colocar Xavier.

O Corinthians vem de cinco jogos sem perder, sendo que, na última semana, teve dois clássicos contra o Santos - em um deles, goleou por 4 a 0 na ida das oitavas da Copa do Brasil, também em casa. No Campeonato Brasileiro, o time é o segundo colocado, com 26 pontos.

Do outro lado, o Boca Juniors vem de uma derrota no Campeonato Argentino para o Unión Santa Fé, quando um time reserva foi colocado em campo. A equipe comandada por Sebastián Battlagia é a quarta colocada na competição.

Para o duelo, o treinador não poderá contar com o zagueiro Nicolás Figal, que teve uma lesão no joelho e deve ficar fora por pelo menos um mês, e o lateral Frank Fabra, suspenso. 

Na fase de grupos, Corinthians e Boca se encontraram em duas oportunidades. O Timão se deu melhor, com uma vitória por 2 a 0 em casa (dois gols de Maycon) e um empate por 1 a 1 na Bombonera.