ESPORTES

min de leitura - #

Corinthians e Inter têm reencontro e rivalidade

Da Redação

| Edição de 02 de setembro de 2022 | Atualizado em 02 de setembro de 2022
Imagem descritiva da notícia Corinthians e Inter têm reencontro e rivalidade

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Mais do que os três pontos e um lugar no G-4 do Campeonato Brasileiro, o jogo deste domingo (4) entre Corinthians e Internacional, às 16 horas, revive o duelo entre Rafael Ramos e Edenilson. A dupla se reencontrará após o episódio da suposta injúria racial do português ao colorado. O caso resultou na abertura de inquérito e o jogador do Timão virou réu nesta semana. No STJD, o julgamento foi adiado a pedido da defesa.

Os dois jogadores, no entanto, não estarão em campo desde o início da partida. Rafael Ramos é reserva de Fagner, enquanto Edenilson perdeu o lugar para Johnny.

O que não impede de o embate na Neo Quimica Arena reacender o mais recente confronto. No dia 14 de maio, as equipes empataram em 2 a 2 no Beira-Rio em partida válida pela sexta rodada do Brasileirão. Na ocasião, o camisa 8 do Inter acusou o lateral de chamá-lo de “macaco”.

O luso acabou detido em flagrante pela polícia por injúria racial após a partida, mas liberado após pagar fiança de R$ 10 mil.

Um laudo do Instituto-Geral de Perícias (IGP) do Rio Grande do Sul não conseguiu identificar o que foi dito por Rafael Ramos.  O resultado da perícia irritou Edenilson. No mesmo dia da divulgação, o então capitão colorado mudou o nome em sua conta do Instagram para “Macaco” e apagou as publicações no perfil. O caso será decidido apenas nos tribunais. 

Para o jogo deste domingo, que promete ser quente por conta dessa situação e da rivalidade entre os dois clubes, o técnico Vitor Pereira não contará com Du Queiroz, suspenso. Possível substituto, Maycon também não deve ficar à disposição do treinador do Corinthians. Assim, Cantillo e Roni brigam por uma vaga ao lado de Renato Augusto e do argentino Fausto Vera no meio-campo.

O time deve jogar com Cássio; Fagner, Gil, Balbuena e Fábio Santos; Cantillo (Roni), Fausto Vera e Renato Augusto; Mosquito (Adson), Yuri Alberto e Roger Guedes. 

No Inter, a a goleada com boa atuação sobre o Juventude consolidou a ideia de Mano Menezes de manutenção de Johnny e Mauricio como titulares, com Edenilson e Alan Patrick no banco. Neste domingo, o treinador repetirá em São Paulo o time que iniciou no confronto gaúcho no Beira-Rio na última segunda-feira (29), com Daniel; Bustos, Vitão, Mercado e Renê; Gabriel, De Pena; Johnny, Mauricio e Wanderson;  Alemão.