ESPORTES

min de leitura - #

São Paulo define compra de Calleri: ‘Um privilégio’

Da Redação

| Edição de 25 de julho de 2022 | Atualizado em 25 de julho de 2022
Imagem descritiva da notícia São Paulo define compra de Calleri: ‘Um privilégio’

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O São Paulo acertou a contratação em definitivo do atacante Jonathan Calleri, até então emprestado pelo Deportivo Maldonado, do Uruguai. O centroavante assinou contrato até 2025. Nas graças da torcida, o argentino já anotou 19 gols em 40 partidas em 2022. Ele é o vice-artilheiro do Brasileirão, com 10 gols, ao lado de Pedro Raul, do Goiás, ambos com dois a menos que Germán Cano, do Fluminense.

“Sempre falo que é um privilégio ser querido por tantas pessoas no São Paulo. Desde o primeiro momento aqui, em 2016, senti o carinho da torcida. Retornei após cinco anos e sempre me trataram da mesma maneira, com respeito”, disse. 

“Sou grato aos torcedores por todo o apoio neste período. Estou feliz de poder ficar mais tempo aqui, e que seja com títulos, porque o meu grande desejo é ser campeão com a camisa do São Paulo. Espero representar a torcida em campo nos próximos anos”, acrescentou. 

Essa é a segunda passagem de Calleri pelo São Paulo. Em 2016, foram 16 gols pelo clube, com média de um a cada dois jogos, e o jogador criou um forte vínculo com os torcedores por seu faro artilheiro. No retorno em 2021, Calleri sofreu com o estado físico e anotou somente cinco.

O atacante é um dos pilares do time de Rogério Ceni. Ao todo, Calleri já balançou as redes 40 vezes em 87 jogos pelo São Paulo O maior artilheiro estrangeiro do clube é o ídolo uruguaio Pedro Rocha, com 119 gols, seguido de Antonio Sastre, com 56, e Gustavo Albella, com 46. Calleri está empatado na quarta posição com o paraguaio Rubén Barrios, que fez 40 gols.

Embora ocupe o meio de tabela no Campeonato Brasileiro e venha de quatro empates seguidos na competição, a equipe tricolor está nas quartas de final da Copa do Brasil e também da Sul-Americana. Na competição da Conmebol, vai enfrentar o Ceará, enquanto no torneio nacional terá pela frente o América-MG. O jogo de ida contra a equipe mineira será na quinta-feira, às 20h, no Morumbi.