ESPORTES

min de leitura - #

Seleção Brasileira faz último treino em Sochi sem Paulinho

Folhapress

| Edição de 05 de julho de 2018 | Atualizado em 25 de janeiro de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

A Seleção Brasileira treinou nesta quarta-feira pela última vez na cidade de Sochi, onde ficou hospedada durante a Copa do Mundo na Rússia desde o dia 11 de junho. Todos os 23 convocados participam da atividade, com exceção do meio-campista Paulinho, que realizou trabalho regenerativo na academia. O jogador reclamou de dores após a partida contra o México, mas não deve ser desfalque contra a Bélgica.

Imagem ilustrativa da imagem Seleção Brasileira faz último treino em Sochi sem Paulinho
Paulinho sente dores, mas não deve ser desfalque | Foto: Folhapress

O elenco brasileiro viaja na manhã de hoje para Kazan, onde enfrentará os belgas amanhã, pelas quartas de final do torneio mundial, a partir das 15 horas (horário de Brasília).

O staff da CBF já chegou ao Mirage Hotel, onde a Seleção Brasileira vai se hospedar na cidade da partida.

Um membro da equipe de segurança, um fisioterapeuta, uma nutróloga, um chef de cozinha e outros funcionários da confederação se deslocaram de Sochi com antecedência para ver as condições do hotel, a fim de garantir o conforto da delegação. O procedimento vem sendo comum nas viagens do Brasil durante o Campeonato Mundial da Rússia.

E a Fifa anunciou ontem, que o sérvio Milorad Masic será o árbitro da partida entre Brasil e Bélgica. O árbitro é o mesmo que apitou a final entre Real Madrid e Liverpool na Liga dos Campeões da Europa.

WILLIAN - Destaque do Brasil na recente vitória contra o México, pelas oitavas de final da Copa do Mundo na Rússia, o meia-atacante Willian defendeu a melhora da Seleção desde o início do torneio.

"A Seleção teve uma evolução grande desde o primeiro jogo. Na estreia tem o nervosismo, é complicado. Crescemos e hoje vejo a Seleção muito bem, no mesmo nível de quando estávamos nas eliminatórias", disse em entrevista coletiva.

Na estreia, o Brasil empatou em 1 a 1 com a Suíça. Venceu a Costa Rica por 2 a 0 na segunda rodada da fase de grupos, com gols nos acréscimos. Pelo mesmo resultado, bateu a Sérvia, no fim da primeira fase, e os mexicanos, no começo do mata-mata.
Willian projetou a manutenção do bom desempenho nas quartas, que o Brasil disputa nesta sexta-feira contra a Bélgica. "Esperamos levar essa concentração para o próximo jogo, não tomar gols. O importante é ser mentalmente forte como o Tite diz e levar isso para o jogo contra a Bélgica'', disse o meia-atacante.

O jogador ainda elogiou os adversários, em especial os que são seus companheiros no futebol inglês. “São grandes jogadores, alguns jogam comigo no Chelsea. Difícil achar um ponto fraco no Courtois, goleiro muito alto. O Hazard é muito bom. Vamos ver a melhor maneira de atacar e marcar a Bélgica”, comentou.