ESPORTES

min de leitura

Tottenham derrota Arsenal e esquenta a disputa pela vaga na Liga dos Campeões

(via Agência Estado)

| Edição de 12 de maio de 2022 | Atualizado em 12 de maio de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O Tottenham venceu o clássico do norte de Londres, nesta quinta-feira, ao derrotar o Arsenal, em seu campo, por 3 a 0, em duelo válido pela 36ª rodada do Campeonato Inglês. Com isso, a disputa pela última vaga inglesa para a próxima edição da Liga dos Campeões ficou mais acirrada, pois os Spurs alcançaram os 65 pontos, na quinta colocação, um apenas atrás dos Gunners a duas rodadas do final ds competição. Manchester City (89), Liverpool (86) e Chelsea (70) já estão garantidos.

Os primeiros 20 minutos foram de muita marcação e soberania das defesas sobre os ataques. Quase nada de ofensivo foi produzido e apenas uma bobeada poderia mudar este panorama.

E ela ocorreu aos 22 minutos. O juiz marcou pênalti bobo de Cedric Soares sobre Son. Harry Kane bateu com a categoria de sempre para abrir o placar para o Tottenham.

Se esperava que o Arsenal partisse para o ataque, mas o que se viu foi um time abatido pelo gol sofrido. O Tottenham aproveitou para avançar e seu trabalho ficou ainda mais facilitado quando Holding acabou expulso, ao cometer uma segunda falta punida com cartão amarelo, aos 33 minutos.

Quatro minutos depois e o segundo gol do time da casa. Após escanteio cobrado pela direita, Bentancur desviou e Kane mostrou coragem para meter a cabeça na bola e fazer 2 a 0. Foi o 15º gol do atacante na temporada. Ele é o artilheiro desta clássico, com 13 gols, em 17 jogos.

Nos últimos minutos da primeira etapa, o Arsenal baixou o ritmo e o Arsenal tentou pelo menos diminuir um pouco o prejuízo, mas esbarrou na boa atuação do goleiro Lloris.

O segundo tempo mal começou e a dupla Kane/Son funcionou mais uma vez. O inglês iniciou a jogada, brigou com a zaga do Arsenal e a bola sobrou para o coreano marcar o terceiro gol da partida, aos dois minutos.

Desanimado, o Arsenal também passou a sentir o desgaste por atuar com um atleta a menos e o Tottenham teve a oportunidade de aplicar um goleada histórica, mas Ramsdale fez duas belas defesas e Son perdeu chance incrível.

Nos últimos minutos, o clima no estádio foi de festa da torcida do Tottenham, que até arriscou gritos de 'olé' e cantou música para o técnico Antonio Conte. O brasileiro Lucas Moura entrou aos 27 minutos e completou 200 jogos pelos Spurs.