ESPORTES

min de leitura

Verstappen celebra dobradinha da Red Bull em Ímola: 'Fizemos tudo do jeito certo'

(via Agência Estado)

| Edição de 24 de abril de 2022 | Atualizado em 24 de abril de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O bom desempenho no GP da Emilia-Romagna e a vitória conquistada de forma incontestável neste domingo foram bastante comemorados por Max Verstappen, que deu um salto na classificação geral do Mundial de pilotos. A festa foi ainda maior pelo fato de o segundo lugar ter ficado com Sergio Pérez, seu companheiro de equipe na Red Bull.

"Nós lidamos com isso. Como equipe, fizemos tudo do jeito certo. Acho que essa dobradinha foi merecida", afirmou o piloto. "Eu não esperava que fosse assim, mas quando você tem um fim de semana como este, isso é incrível: uma dobradinha para a equipe, mas também o máximo de pontos marcados", completou.

Tudo ocorreu perfeitamente para Verstappen em Ímola. Após conquistar a pole position no treino classificatório na sexta-feira, foi o vencedor da sprint race no sábado. Então, largou em primeiro neste domingo, no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, não perdeu a posição em nenhum momento e ainda fez a volta mais rápida da corrida.

Com isso, o atual campeão mundial somou 34 pontos, deixou a quinta colocação e agora ocupa a vice-liderança com 59 pontos. A liderança segue com Leclerc, que contabiliza 86. Já o terceiro lugar está com Sergio Pérez, dono de 54 pontos após a dobradinha da Red Bull.

O mexicano da Red Bull endossou as palavras do vencedor da corrida, valorizou o trabalho feito pela escuderia e se disse feliz pelo resultado final. "O mais importante hoje foi não cometer erros. Foi muito complicado, e conseguir uma dobradinha é um ótimo resultado para a equipe, especialmente em condições como essas", afirmou o parceiro de Verstappen.

Terceiro colocado em Ímola, favorecido pela batida de Charles Leclerc, Lando Norris foi outro que teve muito a comemorar, pois voltou a subir no pódio após nove meses. A última vez foi no GP da Áustria, em julho do ano passado. "Fizemos uma corrida incrível. Fomos capazes de obter vantagem sob condições muito complicadas", afirmou ao final da prova.