ESPORTES

min de leitura - #

Vice-campeã brasileira de judô ganha ouro nos Jogos Escolares do Paraná

Da Redação

| Edição de 15 de julho de 2018 | Atualizado em 25 de janeiro de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O Ginásio de Esportes José Antônio Basso (Lagoão), em Apucarana, foi palco anteontem de mais lutas do judô fe-minino em mais três categorias: leve (-48kg), meio-médio (-53kg) e médio (-58kg). E em meio a tanta aluna-atleta talentosa, a campeã da categoria meio-médio tem uma trajetória surpreendente aos 13 anos de idade.

Imagem ilustrativa da imagem Vice-campeã brasileira de judô ganha ouro nos Jogos Escolares do Paraná
Gabriela Paixão Militão da Silva (à direita) competindo no Ginásio do Lagoão | Foto: Com/SEET

A cascavelense Gabriela Paixão Militão da Silva, aluna do Colégio Anglo, teve sua primeira participação nos Jogos Escolares do Paraná (JEP´s) no ano passado, no qual ficou em terceiro lugar na sua categoria. Eis que, em apenas um ano, as coisas mudaram.

Hoje, Gabriela subiu no lugar mais alto do pódio carregando não somente a medalha de ouro da sua categoria nos JEP´s, mas trazendo no currícu-lo, mesmo tão jovem, o bicampeonato paranaense de judô, o título de campeã pan-americana, sul-americana e o vice-campeonato brasileiro sub-13.

A atleta começou a treinar aos seis anos vendo os irmãos lutarem. Atualmente, ela treina todos os dias intensamente e pretende ser campeã na fase brasileira dos Jogos Escolares. “Eu treinei bastante para ganhar esse ano aqui nos JEP´s”, conta a jovem judoca.

Washington Donomai, professor de Gabriela desde o seu início, comenta sobre a dedicação da aluna e fala sobre as abdicações que ela faz para ter sucesso no esporte.

“Pelo nível que ela estava já esperávamos pelo ouro. A vitória só se consegue pagando um preço alto, sacrificando diver-são e criando disciplina. Esse sucesso hoje foi muito gratificante, e eu tenho a esperança que ela ainda vai disputar as Olimpíadas, porque o que vimos hoje é só a ponta do iceberg”, sonha o professor.

Pela categoria leve da modalidade quem levou a medalha de ouro foi a aluna Ana Júlia Cassita, do Colégio Lobo, de Guarapuava. Já pela categoria médio, Emilly dos Santos, do Colégio Marilis Faria Pirotelli, de Cascavel, venceu a competição, que foi encerrada neste sábado no Ginásio de Esportes do Lagoão.