GERAL

min de leitura

Aeroporto de Guarulhos já tem 25 voos cancelados

Agência Brasil (via Agência Brasil)

| Edição de 01 de novembro de 2022 | Atualizado em 01 de novembro de 2022
Imagem descritiva da notícia Aeroporto de Guarulhos já tem 25 voos cancelados

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Os bloqueios feitos por caminhoneiros na rodovia Helio Smidt, em Guarulhos, que dá acesso para o Aeroporto Internacional de São Paulo, causaram 13 cancelamentos de voos na manhã de hoje (1). Ontem (31) foram 12 cancelamentos. Em São Paulo, os caminhoneiros bloqueiam trechos da Castello Branco, Regis Bittencourt e da Marginal Tietê.

O manifestantes iniciaram os bloqueios em vários pontos do país na noite de domingo (30), após o anúncio da vitória de Luiz Inácio Lula da Silva para a Presidência da República em segundo turno.

Notícias relacionadas:

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, determinou ontem (31) o total desbloqueio das rodovias federais que registraram paralisações de caminhoneiros. Pela decisão, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as polícias militares estaduais deverão cumprir a decisão e garantir total trafegabilidade do trânsito de veículos. Para Moraes, as paralisações “desvirtuam o direito constitucional de reunião”.

“O quadro fático revela com nitidez um cenário em que o abuso e desvirtuamento ilícito e criminoso no exercício do direito constitucional de reunião vem acarretando efeito desproporcional e intolerável sobre todo o restante da sociedade, que depende do pleno funcionamento das cadeias de distribuição de produtos e serviços para a manutenção dos aspectos mais essenciais e básicos da vida social”, afirmou o ministro.

Moraes atendeu a um pedido da Confederação Nacional dos Transportes e do vice-procurador geral eleitoral. Nenhuma das entidades ligadas a movimentos de caminhoneiros se declara favorável ou aderente ao protesto.