GERAL

min de leitura

Amigos organizam missa em homenagem ao turista americano morto no Rio

Cristina Índio do Brasil - Repórter da Agência Brasil (via Agência Brasil)

| Edição de 14 de agosto de 2022 | Atualizado em 14 de agosto de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Amigos brasileiros do turista americano Joseph Trey Thomas Barber, de 28 anos, que morreu na sexta-feira (12), mandaram rezar uma missa em homenagem a ele. A celebração, que chamam de Missa da Luz, será amanhã, às 18h na Paróquia Nossa Senhora da Conceição, no Campinho, na zona norte do Rio. O bairro é vizinho à Cascadura, onde ocorreu o tiroteio entre milicianos e traficantes em que Trey foi atingido por um tiro no pescoço na tarde de terça-feira (9).

Trey tinha acabado de levantar para pegar um controle remoto a fim de aumentar o áudio da TV e tentar encobrir o som do tiroteio das crianças que estavam na casa quando foi atingido dentro do apartamento em que estava hospedado.

O americano foi levado em estado grave para o Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, também na zona norte. Na madrugada seguinte, foi transferido para o Hospital Samaritano Botafogo, na zona sul da capital, onde faleceu.

A dona da casa onde Trey estava hospedado, a diarista Célia Lopes da Silva, 48 anos, contou à Agência Brasil que ela e  Mikael Valetim de Oliveira, 23 anos e amigo de Trey conversaram pela internet com a mãe do americano. Segundo eles, ela está muito abalada com a morte do filho. Mikael,que é ex-namorado da de Bianca Silva de Souza, filha de Célia, foi quem apresentou Trey à família.

Segundo Célia, ainda não há previsão de quando o corpo será levado para os Estados Unidos.