POLÍTICA

min de leitura - #

Beto Preto espera decisão do governador sobre candidatura

Edison Costa

| Edição de 06 de maio de 2022 | Atualizado em 06 de maio de 2022
Imagem descritiva da notícia Beto Preto espera decisão do governador sobre candidatura

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O ex-prefeito de Apucarana e ex-secretário estadual da Saúde, Beto Preto (PSD), confirmou ontem que a princípio é pré-candidato a deputado federal nas eleições de 2 de outubro deste ano. No entanto, Beto admitiu que ser ou não candidato a deputado federal ou a qualquer outro cargo eletivo depende do governador Ratinho Júnior. “Ele é nosso  grande líder e sabe o que é melhor para o nosso partido (PSD) e para o próprio grupo político do qual fazemos parte com muito orgulho e respeito “.    

“Nossa pré-candidatura está colocada para a Câmara Federal, mas estou à disposição do governador. Se ele achar que eu não devo ser candidato, também não serei, se ele achar que devo ser candidato, estarei no caminho que ele orientar e seja o que Deus quiser”, afirmou.

Beto Preto disse ainda que está à disposição do governador para retornar à Secretaria de Estado da Saúde se ele assim desejar. “O governador é o nosso comandante deste time”, admitiu. 

Beto Preto, que hoje é assessor especial de Gabinete da Governadoria no Palácio Iguaçu, esteve em Apucarana representando o governador Ratinho Junior na solenidade de troca de comando do 11º Grupamento de Bombeiros. Na oportunidade, o tenente-coronel Fábio Roberto de Azevedo Thereza passou o comando da corporação apucaranense para o major Leandro Zotelli de Mattos.

Beto Preto deixou o cargo de secretário estadual da Saúde em 31 de março deste  ano, dentro das determinações legais da legislação eleitoral, para concorrer a algum cargo eletivo no pleito deste ano. Após a exoneração, ele foi guindado pelo governador Ratinho Junior para continuar auxiliando-o no cargo de assessor especial do Gabinete da Governadoria, porém sem tratar de assuntos relacionados  à saúde.

Beto Preto diz que vai permanecer nesta função até 30 de junho, prazo final para desincompatibilização para quem exerce cargo público.

Beto Preto afirmou que talvez saia antes para assumir novamente suas funções tanto na perícia médica do governo federal, ou seja, no INSS onde é servidor concursado, assim como médico da Secretaria de Estado da Saúde, onde também é concursado.

Durante discurso de despedida do comando do 11º Grupamento de Bombeiros de Apucarana, o tenente-coronel Fábio Roberto enalteceu o trabalho realizado por Beto Preto na Secretaria de Estado da Saúde, considerando-o o melhor secretário de saúde do Brasil. Segundo ele, Beto Preto soube enfrentar a pandemia da Covid-19 com seu conhecimento e experiência de médico. Conforme ele, Beto Preto é hoje um dos políticos mais respeitados do Paraná.