POLÍTICA

min de leitura - #

Paraná garante segurança no pleito

Da Redação

| Edição de 27 de outubro de 2022 | Atualizado em 27 de outubro de 2022
Imagem descritiva da notícia Paraná garante segurança no pleito

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

As forças de segurança do Paraná irão coordenar a Operação Eleições 2022 – 2º Turno do Centro de Operações da Cidade da Polícia, onde está instalado o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), em Curitiba, no próximo domingo. O secretário da Segurança Pública do Paraná, Wagner Mesquita (foto), afirmou nesta quinta-feira que o esquema de segurança será o mesmo utilizado durante o primeiro dia de pleito eleitoral. A principal atuação das forças será no combate aos crimes eleitorais cometidos nas áreas de interesse operacional, ou seja, espaços geográficos que possuem relação direta com as eleições, como cartórios eleitorais, locais de votação ou de apuração, vias públicas e estações de transporte. 

Carreata em Arapongas 

Sob o comando do prefeito Sérgio Onofre da Silva (PSC), apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), farão uma grande carreata pelas ruas da cidade neste sábado. A mobilização tem início às 10 horas, saindo da Avenida Siriema e cruzando toda a área central, deslocando-se para outros pontos da cidade. “Queremos alcançar 82% dos votos válidos para Bolsonaro neste segundo turno em Arapongas, assim como conseguimos para o governador Ratinho Junior”, diz Onofre. No primeiro turno, Bolsonaro fez 70,35% dos votos válidos no município. A intenção de Onofre é fazer com que Arapongas dê a Bolsonaro o maior percentual de votos entre os municípios do Paraná.

FHC com Lula

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) gravou vídeo ontem recomendando voto em Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O candidato do PT divulgou o conteúdo em suas redes sociais. O tucano diz que a vida do eleitor que se beneficiou com o plano Real, executado em seu governo, “vai melhorar mais ainda” se o petista for eleito neste domingo. “Não tem dúvida, vote no 13”, afirma. “Meus amigos e minhas amigas, você, que melhorou de vida com o Real e acredita no Brasil, nestas eleições, não tem dúvida, vote no 13, vote no Lula, porque ele vai melhorar mais ainda a sua vida”, diz o tucano.

Expulsão do MDB

O vereador Antonio Vila Real (MDB), que foi suspenso por 15 dias de suas funções na Câmara de Ivaiporã, está enfrentando um outro processo. Na campanha eleitoral deste ano, ele optou por apoiar o deputado estadual Alexandre Curi (PSD) e o deputado federal Beto Richa (PSDB), e não os candidatos do MDB. A infidelidade levou o Diretório Municipal do MDB de Ivaiporã a expulsá-lo por não seguir a ideologia do partido. O processo foi encaminhado ao Diretório Estadual do MDB, que também pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a cassação do seu mandato. Caso isso aconteça, a suplente Mara da Silva (Sandra do Cafezinho) poderá assumir cadeira no Legislativo de Ivaiporã. Vila Real diz que há muito tempo o MDB já tenta sua expulsão,

Visita ao Providência 

O prefeito de Jardim Alegre, José Roberto Furlan (Cidadania), esteve em Apucarana nesta quarta-feira. Ele estava acompanhado do vereador Rubens Vanderlei de Castro e da secretária municipal de Saúde, Silvia Bovo Tsechuk. Na agenda, uma visita ao Hospital da Providência, onde foram recebidos pela diretora, irmã Geovana Ramos. Na pauta da conversa com a direção do Providência, a busca por possíveis parcerias. Nesta semana, o Providência assinou a ordem de serviço para a ampliação do Pronto Socorro, que atende quase 5 mil pessoas de Apucarana e região, a cada mês.

VAPT-VUPT

ÚLTIMO DIA Hoje é o último dia para realização de debate no rádio e TV entre os candidatos. Também nesta sexta-feira será encerrada a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV, e os anúncios pagos em jornais impressos e digitais.

VOTO Os eleitores que não votaram no primeiro turno das eleições em 2 de outubro poderão votar neste segundo turno, se estiverem com o título regularizado. Mas o turno em que não votou deverá ser justificado em até 60 dias.

SUSPENSO O Novo comunicou ontem a suspensão de João Amoêdo do partido, com possibilidade de expulsão.O empresário foi muito criticado por correligionários após declarar voto em Lula (PT) no segundo turno.

REFORMA O Governo do Estado, através da Fundepar, já deu início ao processo licitatório para reforma do Colégio Estadual Vicente Machado, de São Pedro do Ivaí. A informação é do deputado estadual Artagão Junior (PSD), que tem ligação direta com o Palácio Iguaçu.