CIDADES

min de leitura - #

Ivaiporã se compromete a plantar 2 mil árvores até o ano que vem

Da Redação

| Edição de 21 de setembro de 2022 | Atualizado em 21 de setembro de 2022
Imagem descritiva da notícia Ivaiporã se compromete a plantar 2 mil árvores até o ano que vem

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Até o próximo ano, Ivaiporã terá plantado quase 2 mil mudas de árvores nativas. O pacto de reflorestamento foi assinado anteontem pela Prefeitura, Rotary Club Ivaiporã e Rotary Integração, Associação das Senhoras de Rotarianos, diretores das escolas municipais, CMEIs, colégios estaduais e particulares durante o 1º Congresso de Valorização ao Dia Mundial da Árvore, encerrado ontem.

As mudas serão plantadas no Parque Natural Mata da Placídio. “Na próxima sexta-feira, nós já vamos começar o plantio de aproximadamente 80 mudas que será realizado pelo pessoal do Rotary. Também estamos montando um cronograma para as escolas”, relatou a diretora de Meio Ambiente, Denise Kusminski.

O Parque Natural Mata da Placídio tem atualmente uma área de 19 hectares e a Prefeitura está adquirindo mais 16 hectares, onde será ampliada a unidade de conservação e também será construída a estrutura Centro de Educação Ambiental para as crianças. 

O congresso aconteceu no Centro Cultural Olívia Hauptmann e trabalhou o tema com alunos da rede municipal através de apresentações teatrais, exposição de figurinos e fotos do projeto “Fragmentos da Mata Atlântica”.

O prefeito em exercício Marcelo Reis disse que congresso faz com que as pessoas tomem conhecimento das causas ambientais. “Isso faz com que as crianças das escolas façam parte dos projetos ambientais do município e consigam se envolver e tenham uma consciência ambiental desde pequenos”.

Carlos Gil, prefeito licenciado que também participou do congresso, lembrou que desde a sua primeira gestão em 2014, as causas ambientais são prioridade. Na época foi implantado o projeto Cultivando Água Limpa de recuperação das nascentes. “Ivaiporã naquele momento já buscava água de poço artesiano e nós conseguimos de lá para cá passar a seca que foi tenebrosa, sem falta de água na nossa cidade”.

PARQUE LINEAR

Ele também anunciou que a Prefeitura tem um projeto aprovado no IAT para o Parque linear Pindauvinha, que vai cruzar toda a cidade desde o Jardim Itaipu, passando pelo Lago das Flores, Jardim Botânico até a Vila Monte Castelo. “Com pista de caminhada, área de ciclismo, bancos e iluminação, e o principal com as árvores preservadas e reflorestamento onde for necessário”, relatou Carlos Gil.