CIDADES

min de leitura - #

Vencedores do Concurso Café Qualidade serão revelados no Cine Fênix

Da Redação

| Edição de 23 de novembro de 2022 | Atualizado em 23 de novembro de 2022
Imagem descritiva da notícia Vencedores do Concurso Café Qualidade serão revelados no Cine Fênix

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Apucarana sedia hoje a premiação do 20º Concurso Café Qualidade Paraná. Os 30 lotes que buscam o título nas categorias café natural, cereja descascado e fermentação induzida passaram por concorrida seletiva que reuniu cerca de 100 concorrentes de várias regiões do Estado. 

Em sua vigésima edição, o “Café Qualidade Paraná” é uma promoção da Câmara Setorial do Café do Estado do Paraná, juntamente com o Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-PR), Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (Seab) e Associação dos Engenheiros Agrônomos de Londrina (AEA). “Um concurso de alta credibilidade que valoriza e fortalece a cafeicultura paranaense, identificando e premiando os melhores cafés. Sou grande defensor e incentivador da cafeicultura, uma cultura extremamente importante na nossa história econômica e cultural e que, não por acaso, está eternizada no brasão da bandeira de Apucarana através da ilustração de dois ramos da planta”, frisa o prefeito Júnior da Femac. 

De acordo com ele, é um orgulho para o município sediar a premiação estadual. “Apucarana tem tradição dentro deste concurso. Na última edição, inclusive, a qualidade da cafeicultura apucaranense esteve muito bem representada através da produtora Solange Aparecida Araújo, do Distrito de Pirapó, que obteve o primeiro lugar na categoria Café Natural e, nesta edição, é finalista novamente”, comenta Júnior da Femac, frisando que a premiação integra uma série de eventos relacionados à cafeicultura promovidos durante o mês por iniciativa da prefeitura, com destaque à promoção da 16ª Festa do Café. 

Os lotes finalistas passaram por duas avaliações - a primeira foi física, com base na Classificação Oficial Brasileira (COB), onde foi detectada a quantidade de grãos defeituosos nos lotes. Na segunda avaliação - prova de xícara - foram analisados aroma, doçura, acidez, corpo, sabor, gosto remanescente e balanço da bebida. “O concurso Café Qualidade Paraná é importante para o reconhecimento da cafeicultura paranaense em âmbito nacional. Valoriza e promove o café especial produzido no Estado, que é excepcional”, diz o agrônomo Paulo Sérgio Franzini, secretário executivo da Câmara Setorial do Café e integrante da comissão organizadora do concurso. 

Da região, competem na categoria natural os cafeicultores Diva Aparecida Mioto de Souza, de Arapongas; Silvana Santos Marcomini Fávaro, de Ivaiporã e Valdeci Navarro, de Jandaia do Sul.