BISPO DOM CARLOS JOSÉ

min de leitura - #

Romaria diocesana

Da Redação

| Edição de 26 de janeiro de 2023 | Atualizado em 26 de janeiro de 2023

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

“O Anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, a uma Virgem ...e o nome da Virgem era Maria” (Lc 1, 26,27).

Nossa Senhora de Lourdes, Mãe da Graça e da Missão, corações ardentes e pés a caminho, convosco queremos seguir nossa vocação! A Quarta Romaria está chegando, e com ela, a Celebração da Padroeira da Diocese, Nossa Senhora de Lourdes. Façamos como o Anjo Gabriel, que, a pedido do Senhor, visitou a Virgem Maria, como quem se coloca a caminho até chegar a Ela, para lhe dirigir o anúncio que mudaria o rumo da história da humanidade para todo o sempre. 

Nós iremos até Ela, nossa Mãe e Padroeira, em Romaria, para lhe anunciar o nosso amor, a nossa confiança em sua intercessão, o nosso agradecimento pelo seu sim! A Virgem Maria, vocacionada desde antes de seu nascimento, missionária fecundada pelo Espírito Divino, é a Senhora de Lourdes que hoje nos chama a sermos os discípulos fiéis que, fortalecidos na oração constante, cavam em solos ressequidos até encontrarem um veio d’água, mesmo que pequenino, até que se transformem em mananciais de águas puras e límpidas que matam a indiferença e a solidão que afetam tantos irmãos e irmãs que não conhecem ou não sentem mais o amor de Deus. Da mesma forma que se revelou a Bernardete naquela pequena cidade da França, a Senhora, tão linda e delicada, continua se revelando através daqueles que a Ela se confiam e mostra a todos que o caminho da alegria, da saúde da alma e da salvação continua sendo o mesmo: seguir Jesus e seus ensinamentos, rezar constantemente, fazer penitencias e anunciar o Amor, o sublime e Único Amor que salva e dá coragem de continuar a jornada neste mundo tão cheio de contradições e lutas. A Bela Senhora continua nos chamando a cavar, buscando dentro de nós mesmos, no mais íntimo onde por vezes não queremos adentrar, onde nossos segredos nos amedrontam e ali procurarmos o que nos separa da liberdade de sermos totalmente de Jesus! 

Guardamos tanto lixo, erros, mágoas e pecados de estimação que chega a faltar espaço para que nos perdoemos a nós mesmos, peçamos perdão aos outros e reconheçamos a necessidade de um recomeço, onde o lixo precise ser extirpado de uma vez por todas, para que a Luz de Cristo possa entrar e clarear nossa mente e nosso coração. A Luz do Espírito Santo fecundou o Ventre da Virgem e a Palavra habitou o seu Ventre. Essa mesma Luz quer fazer morada em nós, habitar nosso ser por inteiro! Como pediu a Senhora de Lourdes: cavemos até encontrar a nossa vocação, até que nossos pés se ponham a caminho, para que nosso coração possa arder de desejo de anunciar Aquele que tudo pode, inclusive e verdadeiramente pode nos levar ao caminho da santidade! Estamos próximos da celebração da Festa de Nossa Senhora de Lourdes, todos somos chamados a participar com alegria e devoção, como irmãos e filhos da mesma Mãe que tanto tem nos protegido e guardado sob seu manto carinhoso. Que Ela rogue a Jesus por cada um de nós, por nossas necessidades e por aqueles por quem nós pedimos. Amém.