ESPORTES

min de leitura - #

Flamengo e Athletico-PR duelam pelo título da Copa Libertadores

Da Redação

| Edição de 28 de outubro de 2022 | Atualizado em 28 de outubro de 2022
Imagem descritiva da notícia Flamengo e Athletico-PR duelam pelo título da Copa Libertadores

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O seleto grupo de 25 campeões da América pode ganhar mais um integrante neste sábado (29) ou somar seu sétimo tricampeão. Após duas conquistas seguidas do Palmeiras, o continente voltará a ser preto e vermelho, com decisão entre brasileiros rubro-negros em busca da eterna glória. Finalista pela terceira vez nos últimos quatro anos, o Flamengo coloca sua força e favoritismo à prova diante do eficiente Athletico-PR, que deixou a equipe de Abel Ferreira pelo caminho e luta pela taça perdida há 17 anos. 

A decisão da 63ª edição da Copa Libertadores será às 17 horas, no Estádio Monumental Isidro Romero Carbo, de Guayaquil, no Equador, com capacidade para quase 60 mil torcedores.

Será uma decisão recheada de coincidências, que vão além das cores dos uniformes. Os treinadores nutrem uma sadia amizade há muitos anos - Dorival Júnior foi pupilo de Felipão no Grêmio, em 1993 -, mas estavam desempregados no início da temporada, os times têm como maestros dois uruguaios, Arrascaeta e Terans, além de xerifões experientes, David Luiz e Thiago Heleno, e atacantes que viraram unanimidade em suas respectivas agremiações, apontados como futuro da seleção brasileira.

Com somente 17 anos, Vitor Roque já é apontado como uma das grandes joias do futebol canarinho. Já Pedro se tornou unanimidade no meio da área, deslocando Gabriel Barbosa para a beirada do campo no Flamengo.  

Apesar das similaridades, Flamengo e Athletico-PR se destoam. E a diferença quando a bola rolar no Equador estará na maneira de os times jogarem. Os cariocas carregam mais entrosamento pelo tempo do conjunto - são três anos juntos, apenas com reposição de saídas pontuais -, e abusam da técnica e da velocidade, enquanto os paranaenses se “encontraram” após muitos testes de Felipão e rodagem do elenco e surpreendem pela garra e a facilidade em reviravoltas nas partidas. 

O Flamengo está escalado com Santos; Rodinei, David Luiz, Léo Pereira e Filipe Luís; Thiago Maia, João Gomes, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Gabriel Barbosa e Pedro. Já o Furacão faz mistério, mas deve entrar em campo com  Bento; Khellven, Thiago Heleno, Pedro Henrique e Abner Vinícius; Erick, Fernandinho, Alex Santana e Terans; Vitinho e Vitor Roque (Pablo).