ESPORTES

min de leitura - #

Líder, Flamengo joga contra o Fluminense no "Mané Garrincha"

Gazeta Press

| Edição de 07 de junho de 2018 | Atualizado em 25 de janeiro de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Fluminense e Flamengo fazem o clássico carioca da décima rodada do Campeonato Brasileiro hoje, às 20 horas, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Os dois times estão com sentimentos opostos no atual momento da temporada. 

Imagem ilustrativa da imagem Líder, Flamengo joga contra o Fluminense no "Mané Garrincha"
O técnico Abel Braga espera pela melhora do “Flu” que vem de derrota para o Paraná Clube | Foto: Arquivo/TN

O time rubro-negro vem brilhando e após a vitória de 1 a 0 sobre o Corinthians no estádio do Maracanã está cada vez mais firme na liderança, com 20 pontos. Já o Tricolor, apesar de fazer boa campanha com 14, tenta se recuperar da derrota de 2 a 1 para o Paraná Clube e atravessa um período de excesso de lesões no plantel.

No fim de semana, em seus respectivos jogos, os dois times tiveram atuações distintas. O Flamengo brilhou com uma grande atuação. Por isso, a ordem é manter a pegada no clássico.

“Nós estamos conseguindo evoluir e contra o Corinthians mostramos um bom futebol. Agora precisamos manter essa pegada diante do Fluminense, pois clássico é sempre muito complicado”, disse Maurício Barbieri, comandante do Flamengo.

No Fluminense, é necessário reagir após uma péssima atuação contra o Paraná Clube.

“Vamos ter que fazer muito mais para ganhar do líder, pois a nossa atuação contra o Paraná foi muito abaixo do esperado. Se repetirmos, com certeza vamos ter um resultado muito ruim”, analisou Abel Braga, comandante do Fluminense.

Em termos de escalação o Flamengo perdeu o meia Diego, que cumpre suspensão por ter sido advertido com o terceiro cartão amarelo contra o Corinthians. Como Gustavo Cuéllar volta a ficar à disposição após ter integrado a lista de espera da seleção colombiana e acabar de fora do Mundial, Jonas e Jean Lucas disputam uma vaga no time.

Pelo lado do Fluminense, o lateral Léo não pode jogar, pois tem os direitos federativos ligados ao Flamengo. Matheus Alessandro deve herdar o posto. 

Com Marcos Júnior se juntando a Pedro no departamento médico por conta de lesão na coxa esquerda, o ataque deverá ser composto por Robinho e João Carlos.

O Fluminense jogará com Júlio César; Gum, Renato Chaves, Luan Peres e Matheus Alessandro; Richard, Jadson, Junior Sornoza e Marlon; Robinho e João Carlos.

O Flamengo vai atuar com Diego Alves; Rodinei, Rhodolfo, Léo Duarte e Renê; Gustavo Cuéllar, Jean Lucas (Jonas), Lucas Paquetá, Everton Ribeiro e Vinícius Júnior; Henrique Dourado.