ESPORTES

min de leitura - #

Título da Argentina na Copa do Mundo do Catar consagra o astro Lionel Messi

Da Redação

| Edição de 20 de dezembro de 2022 | Atualizado em 20 de dezembro de 2022
Imagem descritiva da notícia Título da Argentina na Copa do Mundo do Catar consagra o astro Lionel Messi

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Trinta e seis anos depois, a Argentina voltou a erguer a taça da Copa do Mundo no último domingo (18) e consagrou o craque Lionel Messi. A vitória nos pênaltis sobre a França, depois de um empate eletrizante por 3 a 3, garantiu o tricampeonato (a Albiceleste havia sido campeã em 1978 e 1986) e provocou uma catarse nos argentinos - incluindo o elenco da seleção. A festa do título contou com momentos de euforia no Estádio Lusail, que terminou com um passeio em carro aberto.

Assim como em 1986, o título argentino tem um protagonista destacado. Se lá atrás, o cara foi Diego Armando Maradona, desta vez, teria de ser Lionel Messi. Quis o destino que o craque, de 35 anos, na última Copa da carreira, pudesse, enfim, levantar a taça mais cobiçada do planeta. Mais que isso, sendo o maestro de uma equipe que jogou, é claro, pelo país, mas também pelo camisa 10.

Além de campeão e melhor jogador da Copa, Messi encerrou a competição como vice-artilheiro (com sete gols) e atleta com mais partidas na história dos Mundiais (26, à frente do alemão Lothar Matthäus).

O título coroa uma campanha que, na primeira rodada, parecia improvável. Apesar de favorita, a Argentina estreou derrotada pela Arábia Saudita, por 2 a 1. A recuperação teve início com a vitória por 2 a 0 sobre o México. O triunfo para cima da Polônia, pelo mesmo placar, deu aos hermanos a liderança do Grupo C. Nas oitavas e nas quartas de final, classificações sofridas ante Austrália (2 a 1) e Holanda (nos pênaltis, após empate em 2 a 2 no tempo normal). Na semifinal, a grande atuação da equipe, no 3 a 0 aplicado na Croácia.

Eleito sete vezes Bola de Ouro, com três títulos de Liga dos Campeões no currículo, além de diversos troféus na Espanha e prêmios individuais, o craque argentino caminha para o final de sua carreira tendo levantado com a seleção argentina os títulos da Copa América e da Copa do Mundo, o colocando definitivamente no panteão de maiores da história.

Após a partida, Messi descartou a aposentadoria da seleção da Argentina. “Me encanta o futebol, o que faço. Desfruto estar nessa seleção, o elenco e quero seguir vivendo mais algumas partidas sendo campeão do mundo”, disse o craque.

Superado pelo camisa 10 da Argentina, o alemão Lothar Matthäus não poupou elogios ao craque. “Para mim, Messi é o jogador do milênio”, afirmou Matthäus. 

Jogador celebra título com a família e ganha declaração da mulher

Poucos minutos após o lateral-direito Montiel converter a penalidade que garantiu o título da Copa do Mundo do Catar à Argentina, Lionel Messi correu em direção às arquibancadas procurando a sua família para comemorar. A mulher do craque, Antonela Rocuzzo, divulgou imagens da celebração do marido com ela e os filhos. Todos posando com a taça do Mundial. A delegação argentina chegaria no início da madrugada a Buenos Aires. 

“Obrigada por nos ensinar a nunca abaixar os braços, que sempre há que lutar até o final. Ao fim você se tornou campeão do mundo! Nós sabemos o que você sofreu por tantos anos, como desejava conseguir isto”, escreveu Antonela, em post no Instagram. “Meu campeão”, concluiu em outra publicação.

Messi e Antonela são naturais de Rosario e se conheceram ainda crianças, quando o craque atuava na base do Newell’s Old Boys. A família do ídolo argentino frequentava um mercado que os pais de Antonela eram donos. Aos 13 anos, o camisa 10 mudou-se para a Espanha para jogar nos juniores do Barcelona, mas manteve contato com a amada por meio de cartas.

A morte de uma amiga de Antonela fez o jogador voltar para a Argentina para a consolar. Desde então, mantiveram um relacionamento à distância até ela se mudar para a Espanha em 2010 para viver com Messi. Ao longo de 12 anos, o relacionamento gerou três filhos: Mateo, Thiago e Ciro. Antonela é conhecida por sempre acompanhar o craque em jogos e eventos.