GERAL

min de leitura

Presidente dos Correios fala sobre medidas de recuperação da empresa

Agência Brasil (via Agência Brasil)

| Edição de 23 de junho de 2022 | Atualizado em 23 de junho de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O presidente dos Correios, Floriano Peixoto Vieira Neto, entrevistado do programa A Voz do Brasil desta quinta-feira (23) falou sobre as mudanças implementadas na estatal nos últimos anos. Segundo ele foram “medidas radicais e eficazes para corrigir os rumos e fortalecer a empresa em sua estabilidade financeira.”

Imagem ilustrativa da imagem Presidente dos Correios fala sobre medidas de recuperação da empresa
Imagem ilustrativa da imagem Presidente dos Correios fala sobre medidas de recuperação da empresa

De acordo com o presidente da estatal, foram adotadas ações para o fortalecimento da governança e para acelerar a apuracão de irregularidades. Além disso a empresa buscou racionalizar seus recursos, se livrando e até gerando receita com bens não utilizados. A alienação de 50 prédios próprios rendeu R$ 41 milhões e uma operação chamada de Limpa Pátio, de alienação de veículos e outros bens inservíveis, deu retorno de R$ 80 milhões. Floriano também destacou que as mudanças no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) geraram economia anual de R$ 500 milhões.

Durante a entrevista, Peixoto também falou sobre as novidades da companhia, que vem agregando um novo portfólio de produtos “Estamos reinventando e descobrindo opções para atender nossos clientes com opções digitais, físicas e híbridas”, disse.

Segundo o presidente dos Correios, hoje a estatal possui 89 mil empregados. A empresa está presente em 5.570 municípios com 11 mil unidades de atendimento. “Mesmo naqueles municípios menores e mais distantes, onde não temos agência, temos um centro de coleta de correspondência para atender à população”, comemora.


Assista à entrevista completa: