POLÍTICA

min de leitura - #

Lula garante que não fará perseguição a Bolsonaro

Da Redação

| Edição de 13 de janeiro de 2023 | Atualizado em 13 de janeiro de 2023
Imagem descritiva da notícia Lula garante que não fará perseguição a Bolsonaro

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou a jornalistas que não vai fazer perseguição sistemática “contra ninguém”, nem contra o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). “Não quero fazer disso o meu mandato. Meu mandato é outro, não é ficar brigando com o Bolsonaro. É brigar contra a fome”, afirmou o petista. “Não quero passar a ideia de perseguição”.

Ainda assim, Lula, que disse não querer um “palácio de petistas” e afirmou que faz uma “triagem profunda” na equipe do Palácio do Planalto para que não fique nenhum “bolsonarista raiz”. “Queremos virar um gabinete civil”, declarou o presidente, com críticas à presença de militares na sede do Executivo, que devem ser trocados por servidores de carreira. “Eu também não quero fazer processo de perseguição porque um dia (alguém) foi lavajatista”, ponderou.

A preocupação de Lula é com sua segurança. Ele relatou que o motorista do ex-ministro do GSI General Heleno disse que gostaria de matá-lo. “Aqui em Brasília houve muita suspeita do comportamento dos comandantes da polícia militar”, disse o presidente, ao citar os atos golpistas do último domingo.

“Se o cara votou no Bolsonaro, é direito dele. Se é funcionário de carreira e presta serviço com retidão, porque não pode ficar? Quero fazer um palácio de pessoas sérias, que trabalhem, e que cumpram com suas funções. É assim que vai funcionar”, afirmou Lula, sobre a “triagem” de funcionários da sede do Executivo. (ESTADÃO CONTEÚDO)