CIDADES

min de leitura - #

‘Recomeça Paraná’ abre 215 vagas de capacitação

Da Redação

| Edição de 13 de junho de 2022 | Atualizado em 13 de junho de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

 O Programa Recomeça Paraná vai oferecer 215 vagas para a qualificação profissional gratuita de jovens em Apucarana, através de uma parceria entre governo do Estado, Prefeitura, Sesi/Senai e Senac. As oportunidades são para os cursos de auxiliar de cozinha, manicure-pedicure, assistente em contabilidade, assistente administrativo, auxiliar administrativo e almoxarife, além de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O público-alvo nesta terceira etapa do programa são jovens com idades entre 14 e 16 anos. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas em cinco locais: Sesi/Senai, Senac, Agência do Trabalhador, Centro de Qualificação Total e Secretaria da Mulher. Quatro dos cursos serão na modalidade semipresencial (80% a distância e 20% presencial) e os outros três serão presenciais.

A distribuição das vagas, bem como horários de início das aulas e locais de inscrição foram definidos ontem, durante reunião entre o prefeito Junior da Femac e as entidades parceiras. 

Estiveram presentes Márcia Sousa, chefe do escritório regional da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho;  representantes do Senac e do Senai, do secretário municipal de Indústria, Comércio e Emprego, Edison Estrope e representantes da Agência do Trabalhador e centro de Qualificação Toral. O público-alvo são jovens de 14 a 16 anos. “O Município já criou o Programa Portas Abertas que, ao longo do ano, oferta 680 vagas em mais de 30 cursos profissionalizantes. Agora, vamos incorporar a essa iniciativa a parceria com o Governo do Estado, por meio do Programa Recomeça Paraná, que é voltado ao público de 14 e 16 anos”, reforça Junior da Femac. 

As inscrições para os cursos podem ser feitas em cinco locais: no Senai; Senac; Secretaria da Mulher e Assuntos da Família; Centro de Qualificação Total e na Agência do Trabalhador.