POLÍTICA

min de leitura - #

Câmara aprova projeto que coíbe festas clandestinas em Apucarana

Edison Costa

| Edição de 29 de março de 2022 | Atualizado em 28 de março de 2022
Imagem descritiva da notícia Câmara aprova projeto que coíbe festas clandestinas em Apucarana

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

ACâmara de Apucarana aprovou em primeiro turno, na sessão ordinária desta segunda-feira, projeto de lei do vereador Rodrigo Liévore “Recife” (União Brasil) que coíbe a realização de festas clandestinas na cidade e incentiva eventos do gênero mais seguros e dentro da legalidade. Esses eventos, com aprovação de todos os órgãos competentes, teriam o selo de Noite Legal para sua divulgação junto à comunidade.

Para o vereador Recife, em função da pandemia surgiram muitas festas clandestinas, com cobranças de ingressos e vendas de bebidas alcoólicas, porém inseguras e sem responsabilidade por parte dos organizadores. “Meu projeto não é contra festas, ele visa exatamente criar a cultura de que evento festivo é coisa muita séria e precisa ser promovido com responsabilidade. A intenção do projeto é incentivar os organizadores de eventos para que sejam realizados dentro da legalidade”, explicou.

Na sessão desta segunda-feira, a Câmara aprovou ainda projeto de lei de autoria do presidente do Legislativo, vereador Franciley Preto Godói Poim (PSD), que concede o título de Cidadão Benemérito do Município ao sr. Adir Silva Moreno, pelos relevantes serviços prestados à comunidade.

Por pedido de vistas do vereador Moisés Tavares (Cidadania), foi retirado de pauta por uma semana projeto de lei do vereador Tiago Cordeiro de Lima (MDB), que reserva às pessoas com idade igual ou superior a 45 anos 5% das vagas em concursos públicos promovidos pelo Município. O projeto gerou muita discussão, com alguns vereadores manifestando voto contrário por beneficiar determinada categoria por idade e não pela capacidade.

Tiago Lima, por sua vez, justificou sua proposta como uma maneira de se incrementar políticas públicas sociais para as pessoas que, acima de 45 anos, ainda têm condições e precisam ingressar no mercado de trabalho.

Também foram aprovados quatro requerimentos, dois deles do vereador Marcos da Vila Reis (PSD), um que pede à Cooperativa dos Catadores de Recicláveis a viabilidade de fazer coleta seletiva na Vila Rural Nova Ucrânia e outro pedindo à Autarquia Municipal de Saúde uma ambulância permanente na Vila Reis.

Outros dois requerimentos aprovados são do vereador Moisés Tavares. Ele pede a adaptação da quadra de esportes do Centro da Juventude Alex Mazaron à prática do Basquete 3x3 e a instalação de traves de fusal na quadra da Escola José Brazil Camargo.