POLÍTICA

min de leitura - #

Ciro Gomes: ‘eu e Tebet somos as únicas alternativas do eleitor’

Estadão Conteúdo

| Edição de 26 de agosto de 2022 | Atualizado em 26 de agosto de 2022
Imagem descritiva da notícia Ciro Gomes: ‘eu e Tebet somos as únicas alternativas do eleitor’

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

O candidato à Presidência da República Ciro Gomes (PDT) disse nesta sexta-feira, durante sabatina de O Globo, Rádio CBN e Valor Econômico, que a sua candidatura e a da Simone Tebet (MDB) são as únicas alternativas à polarização Lula-Bolsonaro.

Ciro disse, entre outras coisas, que a propositura da sua candidatura tem também por objetivo oferecer uma alternativa a “essa polarização”. “Não sou salvador da pátria e sempre combati isso. Mas eu e Simone Tebet somos as únicas alternativas a essa polarização”, reiterou o pedetista.

O candidato do PDT à Presidência da República também disse na sabatina que irá utilizar a Lei da Usura para punir bancos que praticarem juros abusivos sobre empréstimos consignados a partir do Auxílio Brasil. A medida do governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) permite aos beneficiários comprometer até 40% do valor do benefício com o parcelamento do crédito, e é vista por especialistas como uma armadilha

O presidenciável teceu críticas à emenda à Constituição do governo aprovada em caráter de emergência para criar um socorro emergencial alegando fome. “Fome é uma coisa que se sente todo dia. O socorro emergencial, portanto, não vale só o valor, vale também a frequência para que eu possa financiar o de comer, dos miseráveis, dos famintos, do fundo do poço de uma sociedade doente todo dia”, disse.

Ciro Gomes voltou a defender o que convencionou chamar de “pacto federativo com governadores” para quebrar a resistência do Congresso a propostas que ele, caso venha ser eleito, pretende implementar. (ESTADÃO CONTEÚDO)