CIDADES

min de leitura - #

Após amarrar vítima, ladrões queimam carro

Da Redação

| Edição de 23 de novembro de 2022 | Atualizado em 23 de novembro de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Um comerciante do Núcleo Dom Romeu Alberti, zona norte de Apucarana, foi assaltado anteontem e amarrado em uma árvore por bandidos que fugiram com seu carro, que acabou incendiado e abandonado.O comerciante relatou que por volta das 23h fechou o bar e ao entrar em seu veículo VW/Gol, foi surpreendido por 3 homens, dois deles armados. Os bandidos o ameaçaram e o levaram até o Parque da Raposa, retiraram as roupas da vítima e, com as próprias peças, o amarraram a uma árvore. Os ladrões fugiram levando o carro, celular e carteira da vítima. O carro foi encontrado na manhã de ontem totalmente carbonizado e abandonado próximo a uma região de mata nos fundos do Residencial Belvedere.

Assaltante troca tiros com policiais em Mauá da Serra 

A Polícia Militar de Mauá da Serra trocou tiros com um grupo suspeito de um assalto em uma residência, na Gleba Aurora, na zona rural do município, na noite de anteontem. Dois homens conseguiram fugir e um terceiro envolvido se rendeu e acabou preso. Segundo a PM, a vítima teria notado a presença de um grupo de indivíduos se aproximando da casa e teria conseguido sair antes dos invasores o renderem. A equipe policial se encontrou com o veículo dos bandidos, um Ford Fiesta, na estrada da gleba. O veículo suspeito parou alguns metros antes da viatura policial. Um dos passageiros desembarcou e correu em direção ao mato, efetuando uma série de disparos contra os policiais, que revidaram. Um segundo passageiro  também  fugiu.O motorista do Fiesta se rendeu e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para as providências legais.

Quadrilha invade sítio, amarra moradores e abate animais

O morador e o caseiro de um sítio localizado na região da Estrada da Juruba, em Apucarana, viveram momentos de terror na madrugada ontem após quatro bandidos violentos invadirem a propriedade rural. Conforme a vítima contou à Polícia Militar (PM), os ladrões amarraram os dois em um cômodo da casa, mataram duas novilhas e levaram cortes nobres, além de roubar um porco e outros ferramentas que ainda não foram registradas. As vítimas conseguiram se soltar apenas na manhã de ontem, quando ligaram para a equipe da PM, que foi até o local. Até o momento ninguém foi localizado, assim como os equipamentos levados da propriedade.

Ladrão é preso após vítima reconhecer chinelos furtados

Um homem, de 25 anos, foi preso pela Polícia Militar (PM) na tarde de ontem  após uma mulher reconhecer o chinelo que ele estava usando, que foi furtado do filho dela. O caso foi registrado no distrito de Vila Reis, zona sul de Apucarana. Segundo a equipe policial, vigilantes prenderam o suspeito e acionaram a PM. O rapaz havia furtado na terça (22) uma residência, onde levou um par de chinelos, cartões de crédito e documentos pessoais.  O ladrão foi encaminhado para a 17ª Subdivisão Policial e confessou o furto.