CURISCO NA POLÍTICA

min de leitura - #

Pé Frio

Da Redação

| Edição de 01 de novembro de 2022 | Atualizado em 01 de novembro de 2022

Fique por dentro do que acontece em Apucarana, Arapongas e região, assine a Tribuna do Norte.

Pé Frio

O candidato Rodolfo Mota foi derrotado nas urnas em 2020 para a Prefeitura de Apucarana, em 2022 para deputado estadual e agora, no segundo turno, perde mais uma. Depois de começar no PT, Rodolfo pulou para PSD, depois foi para União Brasil e agora apostou todas as suas fichas na candidatura de Jair Bolsonaro, do PL. Perdeu três seguidas, pode pedir música no Fantástico. Um baita pé frio, é o Mick Jagger da política de Apucarana.

Tênis e mochilas

Os doze mil alunos da Rede Municipal de Ensino irão ganhar tênis e mochilas. O prefeito Júnior da Femac garante que, além de material escolar, uniforme e a melhor merenda do Brasil, os alunos passam agora a receber mochilas e tênis. Cuidar das crianças é prioridade diz o prefeito.

Vitória é tudo

Em 2018, na vitória de Bolsonaro, o seu filho Carlos, que cuidava das redes sociais, foi o grande gênio da campanha. Agora na derrota, o mesmo filho Carlos cuidou novamente das redes e está recebendo críticas pela derrota. Agora veio à tona, depois da derrota, uma possível briga entre Carlos e Michelle, mulher de Bolsonaro. Derrota é assim, os problemas aparecem.

Festa do Café

Nesta sexta-feira começa a Festa do Café no Pirapó, que será realizada sexta, sábado e domingo. Exposição de máquinas agrícolas, praça de alimentação e muita música boa. A Festa do Café virou uma tradição em Apucarana. 

Milionários

O povo do Paraná elegeu 30 deputados federais e 18 são milionários. O deputado federal Dirceu Sperafico (PP) é o mais rico de todos, com uma declaração de patrimônio junto à Justiça Eleitoral de R$ 46 milhões. Já o deputado federal Aliel Machado (PV) é o que tem menos dinheiro, declarou R$ 118 mil. Os deputados federais não gastaram nada do bolso para ganhar a eleição. O dinheiro gasto na eleição foi do Fundão ou de doações.